Diga adeus para Stitch, Great Escape!

Stitch, Great Escape! – Divulgação

Quem lembra da atração Stitch’s Great Escape? Ela ficava em Tomorrowland no MK, hoje no lugar ficou o apenas o encontro com o próprio Stitch, no site da Disney informa que atração está fechada temporariamente, mas segunda a WDW News Today, há rumores que a atração já esta desmontara e será atualizada trocando o tema Lilo & Stitch por Detona Ralph, assim como Stitch Great Escape usou boa parte a infraestrutura do Alien Encounter, a nova atração usando Ralph seguirá a mesma receita, mas cada convidado terá um controle de vídeo-game que irá interagir com a atração, vamos aguardar!

Para os que frequentam Disney World a menos tempo, não tem ideia que essa atração não nasceu assim, foi inaugurada em 1994 como ExtraTERRORRestrial Alien Encounter ou simplesmente Alien Encounter onde o protagonista no lugar de Stitch era o inspirado no alienígena do filme Alien, a atração foi elogiada na época pelo o teor sombrio e adulto em contraste com outras atrações do MK. Somente em 2004 atração passou a ser protagonizada pelo Stitch devido ao sucesso do filme, Lilo e Stitch e a atração infelizmente ficou menos sombria, a original era realmente muito boa, com sustos garantidos.


Stitch, Great Escape! – Divulgação

ExtraTERRORRestrial Alien Encounter – Divulgação

Spaceship Earth Fechada?

Para quem está ou foi recentemente no Epcot percebeu a quantidade enorme de área em construção, isso é devido à grande reformulação que o parque sofrerá até 2021 quando Disney World comemora 50 anos.

O parque será praticamente todo reformulado, começando pela entrada e os caminhos internos, tornado mais amplos e arborizados, oferecendo uma experiência mais confortante.

O Epcot que era dividido somente em Future World e World Showcase, será dividido em quatro partes, o Future World será:  World Discovery, World Celebration e World Nature.

World Discovery

O World Discovery, atualmente conhecida como Future World East, onde fica o Test Track, Mission: Space, etc, continuará com a mesma temática, com a inclusão da esperada montanha-russa dos Guardiões da Galáxia ou Guardians of the Galaxy: Cosmic Rewind, provavelmente em 2021, a restauração do Missão: SPACE e o impressionante restaurante Space 220, que simula estar localizado a 220 milhas da Terra (!!), este último prometido para ainda no inverno de 2020, algumas fontes até afirmam que será ainda em Fevereiro! 

Restaurante 220

World Celebration

O World Celebration será a área central, onde inclui a Spaceship Earth. Pode dar adeus para o Club Cool, Starbucks, Fountains of Nations e Innoventions West que já foram demolidos. No lugar do concreto dominante do local, receberemos um parque repleto de árvores, flores, fontes, enfim um grande jardim que o convidará a ficar passeando.

A Spaceship Earth é um caso a parte, inicialmente foi anunciado que seria fechada no final de 2019, ficaria dois anos (!!) fechada para reforma e depois não falaram muito coisa e ela continua aberta, ficando mistério o que e quando isso irá acontecer, tudo que sabemos que será em breve, por isso se deseja conhecer a versão clássica desse ícone, vá o mais rápido possível. O que sabemos é que ela continuará como ícone do parque.

World Nature

Atualmente conhecido como Future World West, onde fica The Land com o Soarin, The Seas com Neno e o Pavilhão Imagination, abrigará Journey of Water com Moana como protagonista e o já em cartaz, Awesome Planet, novo filme no The Land. 

Se estiver no Epcot, tire um tempo para ver o Epcot Experience onde essas mudanças são apresentadas em um show que inclui maquete, luz e projeção.

HarmonioUS

World Showcase

O Future World não esta sozinho nessas mudanças, no Pavilhão da França teremos no verão de 2020 a atração do Ratatouille, chamada Remy Ratatouille Adventure que deverá ter a mesma procura da atração Frozen no pavilhão da Noruega. Continuando no pavilhão da France, estreou a nova atração Beauty and the Beast Sing-Alone e no pavilhão do Canada, a revitalização do filme O Canada! pelo Canada Far and Wide in Circle-Vision 360 e no Reino Unido a Marry Poppins estará chegando em nova atração.

O show noturno provisório Epcot Forever que substituiu o IllumiNations (após 21 anos, encerrou em setembro de 2019) será substituído pelo HarmonioUS ainda em 2020. Alias HarmonioUS será grandioso, como sempre eles gostam de dizer, “nunca visto antes”.

Comparativo Inédito: Disney Dining Plan, vale a pena?

 

Comparativo Disney Dining Plan
Comparativo Disney Dining Plan

Anote essas dicas
Se for ficar 2 ou mais dias fora dos parques da Disney, esquece!
Gaste no mínimo o equivalente: US$ 60,58 por dia por adulto e US$ 20,48 por criança.
Não vá em restaurantes que "custam" 2 créditos.

Muito questionam se vale a pena o Plano de Alimentação de Serviço de Mesa (Disney Dining Plan) da Disney, também tinha essa dúvida, por isso resolvi experimentar e aqui apresento o resultado.

O plano de alimentação tem seus pontos negativos, é confuso, tem muita regra, irá “engessar” o seu planejamento obrigando a fazer refeições para não sobrar créditos no final e as crianças ficam presas aos “Kids Meals”, mas esquecendo isso, será que realmente vale a pena financeiramente? A Disney promete uma economia em média de 15%, vamos aos números.

Aqui apresento um comparativo real do Plano de Alimentação de Serviço de Mesa versus o quanto gastaria de não tivesse o plano. Se desejar o arquivo editável, envie uma mensagem para contato@indoparadisney.com.br solicitando a planilha.

Comparativo Dining Plan

Comparativo Dining Plan

O custo do Plano de Alimentação por Adulto é de US$ 60,58 e por criança US$ 20,48  por noite, então uma conta Rápida, um casal com uma criança deve ter um gasto diário equivalente a 2 x US$ 60,64 + US$ 19, 23 = US$ 140,51, isto significa que, se em certos dias somando em dólar tudo que consumiu com créditos não ultrapassou US$ 140,51 ficou no prejuízo.

No teste real, foram 8 noites, ficando somente um dia fora do parque e obtivemos uma economia de US$ 110,28 ou US$ 13,78 por dia, equivalente à 10%, sendo que o prometido é até 15% e não foi fácil chegar a essa economia, por exemplo, em cada refeição procurávamos pratos caros e não pulamos nenhuma refeição, em outras palavras se escolher pratos mais baratos ou se sobrasse algum crédito no final ficaríamos no prejuízo, por outro lado, fizemos uma refeição em restaurante que custou 2 créditos, eles não valem isso, uma refeição neles não custa o dobro do que um restaurante normal.

Conclusão, vale muito pouco usar o Plano de Alimentação, inclusive quando são oferecidos como cortesia, porque quando são oferecidos como cortesia o desconto na diária, que pode chegar a 30%, não é aplicado, faça as contas e pesquise muito.

 …